Notícias

O trecho norte da Ferrovia Norte-Sul entre Açailândia (MA) e Palmas (TO), concessionada à Vale S.A em 2007, fomenta novas oportunidades de negócio e crescimento econômico. Nesta quinta-feira, a Suzano Papel e Celulose, uma das maiores companhias do setor no Brasil, inaugurou uma nova fábrica de celulose, no município de Imperatriz (MA).

As exportações da matéria-prima produzida em Imperatriz foram iniciadas na segunda metade de fevereiro, com o primeiro embarque de celulose para os Estados Unidos. Da fábrica, a celulose é transportada pela VLI por meio da Ferrovia Norte-Sul (FNS) e da Estrada de Ferro Carajás (EFC) até a região do Porto de Itaqui, em São Luís, percorrendo uma distância de mais de 600 quilômetros.

Com investimento de US$ 2,4 bilhões no projeto industrial e de US$ 575 milhões em base florestal, a fábrica da Suzano deverá produzir 1,1 milhão de toneladas de fibra curta em 2014, com vendas de 1 milhão de toneladas. Estados Unidos e Europa devem ser os principais mercados da fibra produzida no Maranhão.

(Com informações do Valor)


Texto: Assessoria de Comunicação