Notícias

A visita às obras da Ferrovia Norte-Sul em Goiás foi considerada importante pelo Diretor-Presidente da Valec, Josias Sampaio Cavalcante Junior. “Acompanhamos de perto o progresso dos trabalhos que vêm sendo realizados nos tramos Central e Sul, principalmente no que diz respeito à execução de obras para correção de trechos danificados”, falou.

Josias Sampaio, o Diretor de Engenharia da Valec, Osiris dos Santos, e uma comitiva formada por mais oito profissionais visitaram também o local onde a construção da ferrovia depende de corte em rocha, no município de Jesúpolis, a cerca de 100 quilômetros de Anápolis. No local, será utilizado nos próximos dias explosivos para que o caminho seja liberado. Após esse procedimento, serão construídos os últimos 800 metros de ferrovia de um total 850 quilômetros que vai ligar Palmas-TO a Anápolis-GO (Tramo Central).

“Estamos acompanhando as obras bem de perto seguindo a recomendação do próprio Ministro dos Transportes, César Borges”, falou o Diretor-Presidente da estatal, que é engenheiro por profissão.

Já em Anápolis, o grupo acompanhou as obras do pátio de cargas e, em seguida, se reuniu com representantes das empresas contratadas para a execução das obras. Elas apresentaram para os superintendentes de diversas áreas da Valec o andamento dos trabalhos de engenharia e responderam a questionamentos. A expectativa é de que, em dezembro deste ano, a ferrovia esteja pronta no Estado de Goiás.


Crédito das imagens: divulgação VALEC

Texto: Assessoria de Comunicação